Através da ADS, Governo realiza primeira compra emergencial da produção de agricultores afetados pela cheia

0
117
FOTO: Divulgação/ADS

A Agência de Desenvolvimento Sustentável (ADS) do Governo do Amazonas, começou, nesta quinta-feira (22/04), a comprar de forma emergencial a produção de agricultores, associações e cooperativas, afetadas pela cheia dos rios. Durante a primeira coleta, foram arrecadadas 21 toneladas de macaxeiras, oriundas das cidades de Manacapuru e Iranduba, localizadas na Região Metropolitana de Manaus.

“Nosso objetivo, neste momento, é ajudar diretamente as famílias de produtores rurais que estão sendo afetadas pela cheia. Nesta primeira entrega, cerca de 7.500 toneladas de macaxeiras foram fornecidas pelo produtor Edvan Vieira, do município de Iranduba, e 13.500 toneladas do produto veio da associação do Monte Moriá, localizada na zona rural de Manacapuru”, relatou a Presidente da ADS, Michelle Bessa.

A ação visa atender, inicialmente, um total de 500 famílias, entre produtor individual, associações e cooperativas, credenciadas no Programa de Regionalização da Merenda Escolar (Preme). O valor disponibilizado para as compras dos alimentos escoados de produtores individuais é de R$ 4 mil; já o valor liberado para as compras dos produtos de cooperativas e associações, é de R$ 20 mil.

Os alimentos arrecadados, durante a ação do Governo do Amazonas, terão como destino famílias em estado de vulnerabilidade social e econômica, credenciadas na Secretaria de Estado da Assistência Social (Seas), no Fundo de Promoção Social (FPS) e na Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc).

Continuidade – Na próxima terça-feira (27/04), o Governo do Amazonas, por meio da ADS e da Secretaria de Estado de Produção Rural (Sepror), realizará a segunda compra de produtos. Dessa vez, serão beneficiadas cerca de seis cooperativas do município de Manacapuru.

O evento será realizado no balcão da Cooperativa de Fruticultura dos Agricultores do Município de Manacapuru, rua Dr. Francisco Ferreira, número 295, Bairro Vale Verde, às 10h00.

Entre as cooperativas beneficiadas, estão: Cooperativa de Floricultura dos Agricultores do Município de Manacapuru – COOPFAMMA; Cooperativa Agroindustrial dos Juticultores, Produtores Rurais e Extrativistas do Amazonas – Cooperjuta da Amazônia; Cooperativa de Agricultores e Pescadores de Manacapuru e Região – COAPMAR; Associação Monte Moriá; Associação de Piscicultores de Novo Airão; Associação São Lázaro.

Durante a programação será executada, também, a assinatura do Acordo de Cooperação Técnica (ACT), entre a Sepror, Universidade Federal do Amazonas (Ufam) e Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam), com o objetivo de estimular o cultivo de fibra de juta e a aquisição de sementes de malva.

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here