Funerária Canaã dá versão de tiroteio, explica sociedade e nega disparos dentro da empresa

0
19
Foto: Reprodução

Os tiros disparados no fim da tarde de segunda-feira (19/07), supostamente por um segurança, não ocorreram nas dependências da Funerária Canaã. “Mais exatamente do outro lado da rua”, esclarece nota divulgada pela empresa.

A Canaã tem sido uma das funerárias mais procuradas por autoridades e pessoas de destaque em Manaus. O incidente, com tiros que teriam sido disparados por um sargento da PM, aposentado, que fazia segurança privada, está sendo apurado pela polícia. Sociedade A funerária detalha a questão societária. A Canaã Infinity Assistencial e Serviços Funerários Ltda, fundada em 27 de março de 2017, é diferente da Ilmacc Comércio e Serviços Póstumos Ltda (Funerária Canaã). “Cumpre esclarecer que Antonio Ildemar Coutinho, que possivelmente estava no carro com o segurança, não é proprietário ou sócio da Funerária Canaã”e “são empresas independentes”, diz a nota.

Quanto à disputa judicial, em torno de um carro Nissan Pathfinder, está no processo judicial 0645610-24.2018.8.04.0001. “Nesse sentido, o veículo em questão já se encontra em poder da Justiça”, diz o comunicado.

Tiroteio Os tiros foram disparados, contra duas pessoas, no momento em que uma sócia da Infinity, acompanhada de oficial de Justiça, tentava cumprir mandado judicial de busca e apreensão da Nissan. O funcionário, diante de resistência encontrada, decidiu voltar outro dia, com força policial. A sócia estava atravessando a rua quando viu um carro preto vindo em sua direção e dele serem disparados vários tiros. Ela foi atingida na coxa e um acompanhante no peito. Os dois passam bem. A juíza Ida Maria Costa de Andrade, da 15ª Vara Cível e de Acidentes do Trabalho, abriu procedimento para esclarecer a razão dos dois mandados no mesmo dia e as circunstâncias do cumprimento. A ex-sócia conseguiu, no mesmo dia (02/06/2021), dois mandados judiciais de busca e apreensão do veículo. No primeiro, o oficial de Justiça afirma que o imóvel apontado apresentava “aspecto de abandono”. O segundo resultou no tiroteio.(Portal Marcos Santos)

NOTA DE ESCLARECIMENTO À SOCIEDADE

Tendo em vista o ocorrido na noite do dia 19/07/2021, bem como a
repercussão midiática dada ao caso, a ILMACC Comércio e Serviços
Póstumos LTDA (Funerária Canaã), pessoa jurídica de direito privado, com
sede em Rua Major Gabriel, Nº 1833, Centro, CEP 69020-060, Manaus-AM,
inscrita no CNPJ Nº 07.559.544/0001-37, vem pelo presente ESCLARECER o
que segue:

A Funerária Canaã é pessoa jurídica prestadora de serviços
funerários estabelecida na cidade de Manaus perante a JUCEA em 22 de
Agosto de 2005, tendo registrado a marca referente a seu nome fantasia
no INPI (“Funerária Canaã”) em 21/03/2017.

Em 27 de Março de 2018, houve registro na JUCEA de pessoa jurídica
com o nome de Canaã Infinity Assistencial e Serviços Funerários LTDA,
inscrita no CNPJ Nº 30.045.646/0001-56, com endereço na Avenida
Camapuã, 126, Lote C, Novo Aleixo, CEP 69099028, Manaus-AM, a qual
também possui como objetivo social a prestação de serviços funerários. Tal
empresa fora fundada pelo Sr. Antonio Ildemar Coutinho e pela Sra.
Elizabeth Amaral Santos Corte.

Nesse sentido, cumpre esclarecer que o Sr. Antonio Ildemar
Coutinho não é proprietário ou sócio da Funerária Canaã, bem como que
a Funerária Canaã e a Canaã Infinity Assistencial e Serviços Funerários
LTDA são empresas independentes sem nenhuma relação jurídica entre si
e sem sócios em comum. De modo a inclusive haver processo judicial
(0666288-55.2021.8.04.0001) onde se discute o uso indevido da marca
Canaã pela empresa Canaã Infinity Assistencial e Serviços Funerários.

Uma vez esclarecido que os eventos ocorridos e noticiados na noite
de 19/07/2021 não possuem envolvimento de sócios ou proprietários da

Funerária Canaã, cabe salientar também que os fatos divulgados não
ocorreram nas dependências da empresa e sim em via pública, mais
exatamente do outro lado da rua.

Quanto ao contexto amplamente divulgado acerca de disputa
judicial de veículo, informamos tratar-se do processo judicial
0645610-24.2018.8.04.0001. Nesse sentido, o veículo em questão já
encontra-se em poder da Justiça.

Por fim, a Funerária Canaã reforça seu compromisso na tradição,
seriedade e comprometimento com serviços prestados, bem como que irá colaborar com a Justiça no melhor esclarecimento dos fatos e no cumprimento da lei.
Atenciosamente,

A Direção

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here