Proposta que autoriza criação de bônus para profissionais de saúde tramita na CMM

0
19
VEREADORA PROFESSORA JACQUELINE (SEM PARTIDO) DISCURSANDO NO PLENARIO DA CAMARA MUNICIPAL DE MANAUS. FOTO: ROBERVALDO ROCHA / CMM

Uma indicação que sugere a criação do Bônus Saúde, para os profissionais da área de saúde que atuam em regime de plantão no enfrentamento à pandemia da covid-19, nos hospitais na capital amazonense, tramita na Câmara Municipal de Manaus (CMM). A Indicação que recebeu o número 158/2020, é de autoria da vereadora professora Jacqueline (Podemos).

Conforme a professora Jacqueline, o documento foi protocolado na Divisão de Registro Parlamentar (DIRP), da Casa Legislativa, no dia 19 de maio. Ela destacou, que o enfrentamento a pandemia causada pelo novo coronavírus, tem colocado em risco a vida dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente.

“Estamos fazendo essa indicação, que se aprovada na Câmara será enviada ao Executivo Municipal, que tomará todas as providências e definirá questões como o valor e a forma de repasse do benefício”, explica Jacqueline.

A vereadora ressaltou, que nos últimos dias o Brasil registrou a morte de vários profissionais da área de saúde, por complicações causadas pelo covid-19. Ela disse, que o objetivo da proposta é garantir a segurança desses profissionais oferecendo as condições necessárias para a realização dos seus trabalhos.

“É muito importante o reconhecimento público, mas não é suficiente, porque todas as classes, desde os médicos às áreas administrativas, ficam expostas cada um em seu risco pessoal, e as condições de trabalho adversas podem contribuir para demandas desgastantes”, declarou.

Jacqueline alertou que os trabalhadores estão colocando a própria vida em risco, sendo expostos a uma alta carga viral, trazida pelos inúmeros pacientes diagnosticados com coronavírus. “Mediante o exposto, sugeri a criação do Bônus Saúde, em favor dos profissionais de saúde do município de Manaus, como forma apoio e incentivo aqueles que estão na linha de frente de combate ao Covid-19”, frisou.

A proposta deverá ser analisada pelos vereadores na próxima semana, durante sessão plenária virtual. E se for aprovada, será encaminhada ao Executivo municipal.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here