Vacinação contra a Covid-19 vai cobrir todas as faixas etárias com comorbidades, até sábado(10)

0
89
Foto - Valdo Leão / Semcom

Os portadores de diabetes mellitus, obesidade grave e cardiopatias, de todas as faixas etárias acima de 18 anos, serão vacinados contra a Covid-19 até o próximo sábado(10/04). O novo calendário da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), define que o atendimento será em ordem decrescente de grupos etários, começando com as pessoas de 40 a 44 anos nesta quarta-feira(07/04), e fechando com as de 18 a 29 anos.

“Mais uma vez anunciamos a antecipação das faixas etárias do grupo que possui comorbidades, o que representa um esforço da Prefeitura de Manaus para vacinar a população da forma mais acelerada possível”, destaca o prefeito David Almeida.

De acordo com o gestor, para iniciar o atendimento a esse grupo, foi necessário remanejar doses de reserva técnica, garantindo que a campanha não parasse.

“Agora, com mais uma remessa, foi possível programar a entrada das novas idades na campanha, chegando às faixas etárias da população ainda não alcançadas por nenhuma outra capital no Brasil”, afirma o prefeito.

Os sete postos de vacinação, com ponto fixo e drive-thru, estarão abertos das 09h00 às 16h00 para receber o novo público. Até o momento, 15,6 mil pessoas de 18 a 44 anos, com alguma das comorbidades prioritárias, fizeram o cadastro no “Imuniza Manaus” e estão sendo agendadas eletronicamente para receber a vacina no posto mais próximo do seu local de moradia, até o próximo sábado.

As novas faixas etárias ampliam o atendimento do grupo de 18 a 59 anos de idade, com comorbidades, definido como prioritário pelo Ministério da Saúde (MS), logo abaixo do grupo dos idosos. As pessoas de 50 a 59 anos com diabetes, obesidade e cardiopatias começaram a ser atendidas pela prefeitura na semana passada e as de 45 a 59 anos, nesta terça-feira(06/04).

Até o momento, de acordo com o “Vacinômetro” municipal, 16,4 mil pessoas com essas comorbidades já foram vacinadas em Manaus. Depois de concluir a etapa das primeiras doenças, o calendário será aberto para as demais comorbidades existentes.

Imuniza Manaus

Quem ainda não fez o cadastro no Imuniza Manaus pode fazer por meio do link https://imuniza.manaus.am.gov.br/, na opção “Comorbidades”. Neste campo, serão solicitados dados pessoais e a indicação das doenças das quais o usuário é portador. O próprio sistema exibe as 22 doenças, conforme classificação do MS. Se precisar de detalhes técnicos sobre as doenças listadas, o usuário deve clicar no ícone de informação, em círculo azul, ao lado de cada uma delas. As pessoas já cadastrados devem consultar o agendamento no mesmo link e clicar em “Consultar 1ª Dose”.

O cadastramento não é obrigatório, mas de acordo com a Semsa, permite que o usuário tenha dia, local e hora agendados para receber o imunizante. A medida reduz o tempo de espera de quem será vacinado e facilita o processo de trabalho dos vacinadores, que precisam apenas localizar o cadastro e confirmar a vacinação, em vez de realizar o cadastramento na hora. Os que não têm acesso à internet ou têm qualquer outra dificuldade, podem procurar uma das Unidades Básicas de Saúde (UBS) para fazer o cadastro prévio.

A chefe da Divisão de Imunização da Semsa, Isabel Hernandes, observa que é importante que a pessoa faça o registro correto no Imuniza e que leve os documentos que comprovem sua condição de saúde aos postos de vacinação. Ela destaca que os portadores de doenças que não sejam cardiopatias, obesidade grave ou diabetes devem aguardar.

“De acordo com a disponibilidade de vacina, a gente vai avançar”, assegura Isabel, ressaltando que a Semsa tem trabalhado sem folga para aumentar o número de pessoas imunizadas e reduzir o impacto de uma possível terceira onda de Covid-19 na capital.

Comprovação de comorbidades

Para comprovar que tem uma das três condições de saúde exigidas para a vacinação nesta etapa da campanha, o usuário precisa apresentar original e cópia dos documentos obrigatórios. Os que têm cardiopatia devem levar o laudo médico. Para a obesidade grave, vale uma declaração assinada por qualquer profissional de saúde de nível superior (enfermeiro, farmacêutico, nutricionista, educador físico ou outro) que ateste Índice de Massa Corpórea (IMC) igual ou maior que 40. E no caso dos diabéticos, é válida a receita médica, desde que em papel oficial do SUS ou da rede privada de saúde.

Idosos

A Semsa também deu início, nesta terça-feira(06), à aplicação das segundas doses para os idosos de 60 a 63 anos, vacinados com o imunizante CoronaVac, que tem intervalo de até 28 dias entre as duas doses. Aproximadamente 40 mil dos idosos vacinados contra a Covid-19 irão receber a segunda dose em abril e 24 mil estão agendados para tomar a vacina até o próximo sábado, em um dos sete pontos de vacinação de atendimento geral e devem verificar seu agendamento em “Consultar 2ª dose” no Imuniza Manaus.

Os trabalhadores da saúde também estão recebendo a segunda dose, exclusivamente na Escola de Enfermagem, da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), na zona Sul de Manaus.

Além desses, a Semsa dá continuidade à vacinação das pessoas dos grupos anteriores que ainda não receberam a primeira dose, ou seja, idosos de 60 anos ou mais e pessoas de 45 a 59 anos com diabetes, obesidade e cardiopatias.

Calendário de vacinação – 07/04 a 10/04

Quarta-feira(07/04) – 40 a 44 anos

Quinta-feira(08/04) – 35 a 39 anos

Sexta-feira(09/04) – 30 a 34 anos

Sábado(10/04) – 18 a 29 anos

Comorbidades da fase atual da campanhaDiabetes mellitus

Obesidade mórbida

Cardiopatias – insuficiência cardíaca (IC); cor-pulmonale e hipertensão pulmonar; cardiopatia hipertensiva; síndromes coronarianas; valvopatias; miocardiopatias e pericardiopatias; doenças da aorta, dos grandes vasos e fístulas arteriovenosas; arritmias cardíacas; cardiopatia congênita no adulto; próteses valvares e dispositivos cardíacos implantados).

Pontos de vacinação com funcionamento das 09h00 às 16h00:

Zona Norte

Centro Estadual de Convivência da Família Padre Pedro Vignola

Rua Gandu, 119 – Cidade Nova

Zona Sul

Centro Cultural dos Povos da Amazônia

Avenida Silves, 2.222- Crespo

Universidade Paulista (Unip)

Avenida Mário Ypiranga, 3.490 – Parque 10 de Novembro

Universidade Nilton Lins

Av. Professor Nilton Lins, 3.259, Flores

Zona Leste

Clube do Trabalhador do Sesi

Avenida Cosme Ferreira, 7.399 – São José I

Zona Oeste

Balneário do Sesc

Avenida Constantinopla, 288 – Alvorada

Centro de Convenções de Manaus (Sambódromo)

Rua Ipanema, 550, Alvorada

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here